terça-feira, 23 de setembro de 2014

Crítica - Superior

 
Gosto bastante das HQs do Mark Millar, um autor de quadrinhos jovem que já fez história na Marvel, escrevendo duas das maiores sagas da editora: Supremos e Guerra Civil. Mas além de escrever para a Marvel ele teve a ousadia de criar seus próprios personagens: Kick-Ass, Hit-Girl, Nêmesis, Superior, dentre outros. E é claro que eu precisava conferir “Superior”, um quadrinho de herói tocante, divertido e diferente.

A trama de Superior gira em torno de um pré-adolescente de 12 anos chamado Simon Pooni, um menino normal com uma boa vida, até adoecer gravemente devido a uma esclerose múltipla. Quando recebe a visita de um estranho macaco mágico chamado Ormon, Simon vê seu mundo se transformar radicalmente e se tornar o que todo fã de super-heróis sempre sonhou. Mas o que o jovem não sabe ainda é que esse seu novo status heroico virá com um preço terrível… [Sinopse retirada do Skoob]

Simon é um garoto de 12 anos, esperto, inteligente, que era um promissor jogador de basquete até ser acometido por uma doença terrível: a esclerose múltipla. Em poucos meses ele perde a visão de um olho e os movimentos das pernas. Mas então aparece em seu quarto, do nada, um macaco espacial falante que quer realizar o maior sonho do garoto: transformá-lo em um herói, o Superior!

Superior é uma clara homenagem ao Superman. O herói de Millar é um herói à moda antiga: não mata os vilões, é carismático e tem um caráter firme, incorruptível. Um herói do cinema, que não existe na vida real. Para os jovens, ultrapassado. Para o mundo, um milagre imprescindível.

As referências que Millar faz sobre vários personagens reais da cultura pop, a outros personagens dos quadrinhos (seus, inclusive) e a linguagem suja, de rua, real, cheia de palavrões são alguns dos ingredientes que fazem dessa HQ uma diversão fora de série. Não é uma história genial, uma ideia totalmente original, mas é bem escrita, muito bem desenhada por Leinil Yu e com um final convincente e, de certa forma, surpreendente em alguns aspectos.

Recomendo para todos os que gostam de HQs de super-heróis e para quem quer relaxar com uma leitura leve, agradável e de qualidade.

[MUITO RECOMENDADO]
 
© 2014. Design por Main Blogger | Editado e finalizado por Guilherme e Carlos