segunda-feira, 31 de março de 2014

Em um ótimo episódio, os Simpsons voltam ao Brasil

 

Se podemos brincar com os estereótipos alheios e tirar sarro de outras culturas, por que é um pecado isso acontecer conosco? Só nós podemos brincar ou falar mal de nosso país? Com isso em mente, já digo que, apesar de seus problemas de ritmo, adorei “You Don't Have to Live Like a Referee” (o novo episódio d’Os Simpsons a se passar no Brasil).

Em um evento escolar em que os alunos devem falar sobre seus heróis, Martin “rouba” a heroína de Lisa e ela acaba falando sobre seu pai. Após saber que Homer se interessa por futebol, a FIFA envia um de seus representantes e convida o amarelado a ser um dos árbitros da Copa do Mundo.

A entrada já nos diz o ritmo a ser seguido pelo episódio: vemos a família correndo de sofás com chifres de touro até que os créditos iniciais finalmente sejam passados. Tudo acontece de forma muito rápida e talvez isso seja uma herança das recentes temporadas, mas não é nada que estrague o deleite de se identificar as piadas sobre nosso querido país.


Doze anos após “Feitiço de Lisa”, a família amarelada retorna ao território brasileiro e o resultado é um episódio muito bem humorado. O futebol, a maior paixão de muitos tupiniquins, é representado de forma hilária. As torcidas entoam gritos, se xingam e até o famoso “gooooool” é narrado por um dos jornalistas (a cena é uma das mais engraçadas).

Tentado pelos bandidos a se corromper e roubar para o Brasil, Homer se vê numa situação complicada. Não vou entregar o que acontece, mas os bandidos, que mais se parecem com mafiosos italianos, carregam boa parte da história enquanto os Simpsons estão por aqui. 

Lembra-se das brincadeiras com os macacos e mulheres sensuais nos programas infantis? Fazendo uma inteligente intertextualidade com a própria série, Michael Price (quem roteirizou tudo) brinca com o que foi feito no passado. Sim, ainda é muito engraçado.


E se não for divertido ver Marge tentando falar português ou Homer vestindo uma blusa florida, saiba que “You Don't Have to Live Like a Referee” ainda reserva muita polêmica com os conservadores brazucas. Então largue de bobeira, ria ao brincarem contigo e se divirta com este ótimo episódio.

[MUITO RECOMENDADO]
 
© 2014. Design por Main Blogger | Editado e finalizado por Guilherme e Carlos